Formas sociais de automatização e experiencias japonesas

Images 2

Referência do texto

Freyssenet M., “Formas sociais de automatização e experiencias japonesas”, in Hirata H. (org.), Sobre “Modelo Japonês”, Edsup, Sao Paulo, 1993, pp. 153-162. Traduzido por Hedy Helena de Menezes Pereira. Edições numéricas, freyssenet.com, 2007, 180 Ko.

Este texto é « downloadable » indo no fim desta página

É a tradução em português: Freyssenet M., Formes sociales d’automatisation et expériences japonaises, in Hirata H. (dir.), Autour du modèle japonais, Paris, L’Harmattan, 1992, pp 157-167. Édition numérique, freyssenet.com, 2007, 160 Ko.

Resumo

As oficinas automatizadas da industria japonesa, das quais se pode obter um a descrição suficientemente precisa, apresentam formas de automatização diferentes daquelas conhecidas na França? Será que o relacionamento dos assalariados japoneses com suas empresas e o envolvimento que parece ser dele obtido para melhorar os desempenhos industriais, e principalmente a confiabilidade das instalações, levam os planejadores das linhas automatizadas a fazer outras opções técnicas?

Face à falta de pesquisas suficientemente profundas neste campo para fornecer respostas convincentes a essas questões, poderão as informações de que dispomos servir de subsidio, ou mesmo apenas de pretexto, para pensar de outra forma a automatização, medida essa cuja necessidade se faz sentir, dados os desempenhos negativos causados pela automatização da produção em nossa economia e as insatisfações, decepções e dificuldades sociais por ela suscitadas?

Sumário

A NECESSIDADE DE PENSAR A AUTOMATIZAÇÃO DE OUTRA FORMA.
AS EXPERIÊNCIAS JAPONESAS FORNECEM INDICAÇÕES?

OS PRESSUPOSTOS DA AUTOMATIZAÇÃO CONFORME CONCEBIDA NAS EMPRESAS FRANCESAS

AS MODALIDADES DE CONCEPÇÃO E DE EXPLORAÇÃO DAS LINHAS AUTOMATIZADAS NAS EMPRESAS JAPONESAS CONHECIDAS

QUAIS OS PRINCÍPIOS ECONÔMICOS E SOCIAIS DI VERSOS QUE PODERIAM ORIENTARAS OPÇÕES DE AUTOMATIZAÇÃO?

OUTRO PROCESSO E OUTRA FORMA SOCIAL DE AUTOMATIZAÇÃO

AS CONDIÇOES SOCIAIS DE UMA AUTOMATIZAÇAO QUALIFICADORA E "PERFORMANTE"

Palavras-chaves

Automatização, trabalho, divisão do trabalho, organização do trabalho, qualificação, competência, relações industriais, de lutas sociais, relatório social.

Disciplinas

Antropologia, Economia, Ergonomia, Geografia, Gestão, História, História as das Ciências e as Técnicas, Filosofia, Psicologia, Ciências cognitivas, de Ciência de engenheiro, Ciência da política, Sociologia.

Contexto de escrita

Contribuição para
evolução questionnement pessoal,
produção científica da rede ou o laboratório de pertença,
debate científico nacional e internacional,
divulgação dos resultados da investigação,
valorização dos resultados da investigação.

Referências, comentários, notas críticas

Pertinência actual

Ver também

Sítios possíveis de compra ou encomenda em linha da publicação papel

Data da última actualização da ficha de apresentação

2007.01.27

Data da aposta em internet do artigo

2007.01.27, Freyssenet M., “Formas sociais de automatização e experiencias japonesas”, in Hirata H. (org.), Sobre “Modelo Japonês”, Edsup, Sao Paulo, 1993, pp. 153-162. Traduzido por Hedy Helena de Menezes Pereira. Edições numéricas, freyssenet.com, 2007, 260 Ko.

Fichier attachéTaille
Formas sociais de automatizacao e experiencias japonesas.pdf199.29 Ko